RSS

Arquivo da categoria: sedução

~~~você fica criticando a imposição do padrão de beleza, mas faz igual~~~

Image

Nick Jones em uma foto no Instagram. META. \o/

Primeiramente, boa noite.
Segundamente (sic), acho que sou responsável pelas coisas que digo. E esclarecer é privilégio, não obrigação. Diquinha.
Terceiramente (sic), não sei.
E quartamente (sic), APPLAUSE. KKKKKKKKKKKKKKKK Parei. *ca-hem*

Como todos sabem, eu sempre tive uma visão crítica das coisas. Seja pra algumas coisas, ou outras… Eu sempre tenho ciência da realidade que me cerca.

Só não tenho manifestado a opinião de tudo pq sempre haverá dissidentes, e as pessoas desaprenderam a discutir ou a manter a amizade depois de uma ótima discussão. Aí mostro minha opinião curtindo algumas coisas e não curtindo outras. Empobrece o mundo? Claro que empobrece. Mas em contrapartida, ganho mais saúde e disposição pra viver. E continuo com amigos. 🙂 Ônus e bônus, essa patacoada.

E uma dessas minhas opiniões (às vezes comuns, outras controversas, poucas erradas pra caralho mesmo) envolve a questão da aparência. Como todos sabem, eu sou crítico ferrenho da cultura da barba. E somente isso. Eu tenho meus motivos, e eu os exponho neste link. Mas há uma observação que queria fazer: NUNCA fui crítico ferrenho do corpo alheio. Crítico no sentido de criticar a ditadura do corpo perfeito e tal. Seria muita hipocrisia dizer que não acho bonito. Acho. Mas não me impede de pegar alguém barrigudo ou coisa parecida. Não me impede de VIVER, e isso é bem importante.

Mas vamos ao ponto principal pelo qual estou criando esse post. Como sou crítico ferrenho da barba (ironicamente, tô usando uma. Mas só tô usando por ter preguiça de fazer. Minha barba grande é ridicularizada em 80% das vezes), argumentei em uma conversa com um amigo que só trocar barba por barriga tanquinho que o sentido seria igualmente escroto.
Desculpa, mas não seria mesmo?

Segue-se a seguinte frase:

“Ai, adoraria esse homem de barba na minha cama…”

Trocando o termo “barba” por braço sarado, olha como fica:

“Ai, adoraria esse homem de braço sarado na minha cama”

ou por barriga trincada:

“Ai, adoraria esse homem de barriga trincada na minha cama”

ou por olhos azuis:

“Ai, adoraria esse homem de olhos azuis na minha cama”

Parece um argumento ridículo (e é!), mas as pessoas batalham tanto pela real beleza que acabam moldando parâmetros pra acharem uma barba bonita. Dizem: ah, tem de ser cheia, seu rosto tem de ser quadrado, só serve em modelo, não serve em você… E no final das contas, você, que criticava o culto doentio pelo corpo perfeito, acaba, OH THE IRONY, apelando pelo culto doentio pela barba perfeita.

Sinceramente? Preferiria o povo cultivando o corpo perfeito. Perdia pouco tempo em ser babaca.

E quanto ao corpo, decidi retomar meu regime e voltar a academia (alguém se lembra do WOWITT? Retomarei este Domingo. :D). E tenho postado meu êxito com a dieta e com a academia. Até apelei o nerdismo ao falar de Fitocracy. Alguns amigos disseram: CUSPINDO PRA CIMA? FAZENDO O QUE VOCÊ SEMPRE CRITICOU?

Primeiro: nunca critiquei o estilo #bornthiswhey (proj @ferrreira) que o povo tem adotado. Inclusive, acho ótimo. 😀

Segundo: meu sonho de ter um corpo magro e definido é coisa antiga. Desde meus tempos de guri, eu sofria bullying constante por causa do meu peso. Eu era gordinho quatro olhos que usava aparelho e muito retardado que ninguém andava na escola. Como vocês acham que eu me sentia? Sempre quis ser o mais sarado, o mais desejado da galera. Ralei muito pra ser uma pessoa melhor. Usei aparelho, aprendi a ter um senso melhor… Mas meu instinto de gordo sempre atacava. E não vou mentir que anda bem difícil de controlar, depois de tanto tempo agindo como gordo. Mas vai fazer um mês de dieta, e bom, emagreci uns seis quilos. Tô no começo, alguns amigos tão apoiando, tô achando ótimo. 😀

Terceiro, e o mais importante: infelizmente, você só é alguém na vida se você for: BONITO, SARADO OU RICO. Inteligência ou outros atributos maravilhosos das pessoas sempre ficam em último plano. Como me conformei no fato de que a aparência importa mais (e que não tenho tempo pra ficar me impondo sendo excludente, somado ao fato de que não sou de ser hipster na aparência), eu decidi fazer dieta e malhar. Claro, há a questão da saúde e autoestima. Mas ser uma pessoa com um corpo DOS SONHOS é algo que tem me movido. A meta é postar uma foto de cuequinha. SARADÍSSIMO. Mas vou conseguir pq tô batalhando pra isso. E isso vai servir em me dar mais gás a outras metas que tenho, como ter um emprego melhor.

Tá sendo legal cuidar melhor do meu corpo. Embarquei no projeto por motivos frívolos, mas temos de ter motivação pra QUALQUER COISA que você queira fazer na vida, né?

Enfim. Esse texto é pra simplesmente fazer o que eu gosto de fazer: esclarecer meus pontos de vista e dar alguma satisfação nas minhas opiniões. Não que você se importe. Ou que você ache relevante. Mas me vejo no direito de fazer isso.

Direito. Pq não tenho obrigação a fazer algo tão pessoal como ESCLARECER PRÓPRIAS OPINIÕES, sendo que nem pessoa pública ou influente eu sou. 🙂

Anúncios
 

Vimeo test.

Depois de oitenta anos, fiz um perfil no Vimeo. Com ele, eu pretendo postar algumas filmagens em HD na época que eu tava em São Paulo, no mês de Novembro. Pra estrear, postei uma performance de uma banda brasileira chamada Garotas Suecas, tocando no Planeta Terra. E adivinha quem tava lá para prestigiar/dançar uma música que eles vão tocar no vídeo? Taca o play! 😀

#iguinSPTour2011: Planeta Terra! Garotas Suecas – Banho de bucha from Igor Maia on Vimeo.

(so 2011, mas foi lindo demais aquela hora. <3)

 

Barbacracia. (ou: a opressão da sociedade em querer que os homens usem barba no dia-a-dia)

Image

(Wayne Coyne, vocalista dos Flaming Lips, e barbudo.)

Tudo começou com um sábado ensolarado, um dia bonito e radiante. Eu, disposto a estudar cedo, decidi ir pra faculdade. Antes de começar, dei de lance com a seguinte matéria:

Homens com barba são menos atraentes, diz estudo

E o que aconteceu? Um inferno. Tá, eu exagerei. Mas começaram a discutir pautas que envolvem barba. Mas sabe o que mais vi? Muitos homens (gays) dizendo que preferem barba. Algumas mulheres também. Tudo bem que trata-se de um povo com culturas diferentes, mas é algo a se registrar.

Tem-se percebido de que as pessoas tem ~~~exigido~~~ (sim, exigido. pois sinto que há uma ditadura da barba aí. E é algo que vem bem forte) que os homens venham com barba. Praticamente virou um caso sério a ser estudado. Tem tumblr sobre isso. (eu até participei de um dia sobre homens barbados. olha o meu projeto de barba?)

E o que virou brincadeira, ou até mesmo forma de opção, virou pura e simples obrigação de ter barba. TODO MUNDO QUER UM BARBUDO. Talvez reflexo da flexibilização da masculinidade, no qual os homens podem se tornar metrossexuais, e o advento de fatores mais ousados ao estilo masculino contribuísse muito pra isso. E o pipocamento dos meninos-com-cara-de-menina-e-magrelos, contrapondo a virilidade masculina, e com isto, a barba seria um símbolo da retomada de uma virilidade que, ledo engano, foi perdida. Mas não importa. O problema é sério. E afeta as pessoas com barba terrível. Ou que não tem barba. Eu tô incluso no primeiro grupo.

Se você fizer uma enquete que tipo de homem você curte, certamente algumas pessoas responderão:

– curto nerd e barbudo
– curto mauricinho e barbudo
– curto cozinheiro e barbudo
– curto cara nscido em boa família e barbudo
– curto urso e barbudo
– curto eunuco e barbudo

ENTENDERAM O PROBLEMA?

Um pessoal que sempre rechaçou a segregação e preconceito, agora impõe que barbudos são mais interessantes. Uma coisa é usar barba porquê você gosta, ou porquê adora sentir, sei lá. Outra é uma horda de gente que diz que barbudos são melhores.

Este post é cheio das mágoas, e vos explico o pq.

[X]

Eu, com o intuito de agregar mais pessoinhas ao meu coração, decidi cultivar a minha barba. Tava crescendo, tava num volume bom. Enfim, tava daora. Eu comecei a sustentar minha barba todo orgulhoso, como se eu fosse um guri de 17 anos que decidiu desenvolver os hormônios agora e, pra achar que é maduro, decide criar barba. Dito e feito.

Alguns dias depois, o maldito projeto de barba começou a me dar problema. O pelo do bigode me incomodava. O da barba coçava. Enfim, me deu umas agonias que só Jesus na causa. E a quantidade de gente que peguei? ZERO.

Mas eu, otimista retardado (pq otimista razoável faria um trato no cabelo e barba, pensando no melhor), decidi manter a bendita barba. E começaram os elogios. Só que ao contrário.

– Igor, virou mendigo?

– Igor, brigou com o barbeiro?

– Igor, vai fazer quando a barba?

AÍ QUER DIZER. Pro Gabriel Braga Nunes não dizem isso, e pra mim, vem essa macacada. Eu desencanei? NÃO. Vou ver se mantenho a barba pra ver se cativo alguém. ZERO. (e ainda levei fora)

E veio a viagem a Praia do Forte, e recebi um ultimato. Decidi raspar tudo. Cabelo e barba. Chega. Tava coçando, tava calor, tava quente. (oi, molier filé)

Acontece que eu tava ocupado nesse dia, e só fui cortar cabelo às 9:30 da noite. Ou seja, todos os salões da cidade estavam FECHADOS.

Como única opção, tive de pagar 63 REAIS pra cortar o cabelo, e fazer a barba. Não a faço em casa pois os malditos gilletes não sabem cortar o tipo de barba que tenho.

Quando fizeram, começou a pipocar alguns problemas. Mas digo a vocês que saí com o rosto fatiado (MENTIRINHAAAAAAA) e cheio de cravos, como produto da imposição de vocês.

Resultado: vou fazer a barba agora, assim que puder. E aliás, vou até fazer. Ela tá charmosinha, mas peguei trauma de cultivar barba.

Na verdade, a grande questão é que vocês gostam de gente bonita de barba. E não da barba em si.

E ainda tô chatiada com essa macacada. Sinceramente.

[X]

– Quem gostou do assunto, postei sobre neste link no meu facebook. Vai lá e dá um pitaco. ;*

– Este post é cheio das mágoa e dos recalque. Mas relaxa. Tô mandando as contas pro responsável disso. (a/c Universo)

– Aliás, ninguém paga as mias conta, né?

 

#barbaday

O @heterofobia e o @userporra, ontem, decidiram promover um movimento, ainda que tímido, do #barbaday. E no que consiste? So simple. Trata-se da valorização de um estilo facil que provoca arrepios nos mais diversos tipos de gente: a barba.

A campanha tá rolando (tem até Tumblr), e eu contribuí com essa foto (o inserir imagens do WordPress tá péssimo, mas enfim. clica aí e veja como fiquei).

E se tiver interessado, só contactar as @s supramencionadas e manda uma foto sua.

Boa semana. 🙂

 

 

Você quer esperar? OK. Mas… (ou: um relato de um ex-virgem de 23 anos.)

Hoje à noite, me deparo com uma coisa curiosa no Twitter: essa tag aqui, o #euescolhiesperar. Eu fiquei bem curioso sobre o que consistia, e fui clicar.

É algo legal tratar da primeira vez como se fosse aquela vez especial, aquele que merece o seu sexo. Aquela coisa de esperar para se fazer a vontade de Deus (o que acho meio errado), etc. Eu não vou criticar tal posição de vida pq isso é coisa de gente babaca. Mas vou dar uma opinião sobre isso. Sim, senhores, já esperei a pessoa especial perder comigo.

Primeiramente: vamos falar sobre vontade. Não aquela que seus amigos pressionam, mas aquela que tá dentro de você. Você REALMENTE quer isso? Ó. NÃO MINTA. PQ MENTIR PRA DEUS É PECADO. Amigo, você quer dar (ou comer, né? vai que…). Amiga, você quer dar? Se sim, se isso é o que VOCÊ quer, e não o que os outros te obriguem, go ahead. Deus quer te ver feliz, sem fazer mal a ninguém, e sem machucar outras pessoas (bom, este é meu Deus, claro). Eu demorei a engatar na miha vida sexual: 18/19 anos, mais ou menos. E não foi idealizado por pessoas normais, mas vivo bem com isso. Até pq, sexo se tornou pra mim algo mais de necessidade básica, não algo como uma espécie de pacto a ser selado que muita gente quer fazer.

Segundo: vale a pena esperar? Lembrando que, depois, aos 30 ou 40, a procura será BEM  menor, pq a humanidade é assim. Menos os holísticos, os iluminados, os sobrehumanos. E aí (sobretudo as mulheres) tem de desenvolver técnicas de sedução aos senhores (ou senhoras) que já estão enfadados de pegar gente inexperiente no sexo. Daí vem aquele argumento: MAS JESUS QUER QUE A GENTE ESPERE… Tábom, minha filha. Mas eu te digo logo: é cilada. CI-LA-DA. Faça uma busca sobre isso e me fale. Será que alguém que esperou tem uma experiência maior do que não viveu? Se tiver, que ótimo. Mas uma pessoa que não viu os dois lados da moeda não sabe direito o que se passa na vida.

Terceiro: em nome de Deus… PELAMOR DE DEUS (sorry! foi desproposital), pare de colocar tudo em nome de Deus. Faça isso por você. SE VOCÊ QUISER. Deus não vai te castigar se você decidiu fazer amor com o seu primeiro namorado (ou primeira namorada), mas que é um (a) canalha. Banalizar tudo pra Deus é um pecado. “só vou fazer isso se Deus gostar…” wrong! O certo é fazer o que você quer. Depois de pensar muito, claro. Daí Ele vai ver se curtiu a sua escolha ou não. E se não curtiu, e você se arrepender… Bom, sabe o caminho. 😉

Eu, honestamente, falo com certo conhecimento de causa. Sexo é uma necessidade como qualquer outra. Sério. Se você idealiza, é um direito seu. Mas você pode se machucar mais idealizando. Você pode não sentir o verdadeiro prazer quando você quer. É difícil pensar nisso. Mas eu já passei por isso. Achava que o sexo era uma daquelas coisas lindas de novela, você esperava uma pessoa especial e vivia feliz pra sempre. (!!!) Mas vamos aos fatos:

1) a vida não é uma novela;

2) sexo, se deixar aproveitar na melhor idade, pode ser muito mais cruel que você pensa;

3) imagine um produto ou algo como uma vestimenta. se esperar pra usar, acaba ficando inutilizado por falta de uso;

4) nem tudo é como a gente quer. (@Sinceridades feelings)

A partir do momento que há aquela vontade de se libertar, de querer transar, de viver a vida, podendo se machucar e aprender coisas novas, aí é que você vai ver se vale a pena transar loucamente ou não. Pq esse povo que pretende esperar, na minha opinião, não vive (no sentido de aproveitar e aprender com a vida) como gente que dá loucamente, ou gente que tem uma vida sexual razoável (como eu, kkkk)

[NOTA: NUM TÔ AQUI DIZENDO QUE É PRA VOCÊ DEIXAR O CELIBATO E TRANSAR COM TODO MUNDO, QUE A IDEIA NÃO É ESSA. Se quiser transar, transe. Mas com responsabilidade. Use camisinha, escolha bem com quem quer transar, etc. Viva, o mais importante. E aprenda com os erros que você cometer. E construa sua história de vida.]

Bom, não me arrependo de nada. =)

 

>ESPECIAL: I wanna see your peacock cock cock your peacock

>

Olá pra você que procrastinou o feriado INTEIRO e não terminou de corrigir um capítulo de um amigo seu que só falta dar a ALMA pra resolver o seu problema. (o dele, não teu) Este post é pra você. Mais precisamente para aquele que gosta do ano do pavão.

QUERO VER SEU PAVÃO

Num entendeu ainda, né. VISH

Agora que você tá com essa música grudenta na tua cabeça que só sabe elogiar britnéia e ouvir cantora flopada da Jovem Pan, vamos agora a dissertação do porque o pavão deve ser incluído no horóscopo chinês, sendo, portanto, 2010 o ano do pavão ão ão ão pavão.

MOTIVO 1: ATOR FAMOSO PAGANDO DONKEY KONG COM ESSE COMERCIAL:






Vamos ser realistas. Se a pessoa tivesse vergonha na cara, NUNCA NA GALÁXIA ela faria um merchand de um estabelecimento com esse nome. PINTOS-SHOPPING. PIN-TOS. Tem noção do perigo que é? NUM TEM, né. Se a pessoa fosse mais cuidadosa com a imagem pública (ainda mais quando se pipoca comentários sobre a sua sexualidade), ela não só não participaria dessa propaganda, como evitaria o SLOGAN INFAME do shopping: TUDO O QUE VOCÊ QUER NO LUGAR QUE VOCÊ SEMPRE QUIS *BOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOM* [/rsfd] E pior: tal comportamento de enrustido tá pior que as guei da alta casta de Aracaju, mas isso não vem ao caso -Q Sem medo de errar, a culpa é da assessoria. Ou da mãe. ISSO TEM CARA DE MÃE.


MOTIVO 2: VÍDEO PROIBIDO DO FUNK PERGUNTANDO¹… (para ler tem de dar aquela destacadinha. pode ter uma criança lendo. tefodemuleque se preocupando com o bem estar das)

(como este blog é de família, recomendo que você clique aqui e tire suas conclusões – #NSFW XXX +18)


Tá vendo o vídeo, né? Tá vendo o baile funk erótico, minha senhora? É o que alguns dos jovens andam. LARGUEM ESSAS DORGAS, MANOLO. Mas srsly: a moça, marota E interativa, pega os pao do homem e dá aquela shupadeeenha. As damas deixam. E pra completar a quenguice/bayonettagem, ela ainda aborda, de forma ~sensual~:


– oi, como vai essa piroca


BOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOM (vou colocar o texto em amarelo pra nego ter dificuldade em ler kkk)


Praticamente um HADOUKEN + SHURYUKEN na society face. Chupem todos essa manga.

MOTIVO 3: O PEACOCK EM SI. E A SUA DONA. (?)

A Katy Perry tá IMPOSSÍVEL este ano. Tá mais fe$hativa que a Rihanna e a Ke$ha enchendo o cu na mesa do bar. JUNTAS.

KATY DOS DOCE WINS (se num tiver vendo, clica que o gif é babado certo)

Senão, vejamos. Fez uma delícia que é California Girls. Fez o Teenage Dream, que é babado. Ainda fez Peacock (que é a música do início do post). E AINDA PODE SER SINGLE EM 2011 . Se bem que a gente a queria no lugar de Fireworks, que parece uma coisa meio Beautiful circa 2010. VISH

(se bem que, olhando nesse avatar direito, a Rihanna-fase-menstruação-de-Hello-Kitty closa mais que a Katy. MAS NÃO FLOPOU, BJS)

MOTIVO BÔNUS: XIMBICA. S2

Você já a viu liberar na saída, fugindo da CET e de agarras com um humorista headmaster do CQC. É, minha pova, Ximbica fez muito mais que você em 22 anos de mediocridade pura. *ETERNAL FIRE SACRED FACEPALM*

MEU NOME É XIMBICA CA CA XIMBICA CA CA, ai que delícia. Amo essa mulher cantando. MIM APAISHONO, bjs Mas a paródia é bacana, eu e o @vinirosindo ficamos cantando durante uma ou duas semanas nas nossas senzalas salas de trabalho. KKKKKKKK

MOTIVO BÔNUS 2: OS BOY DO PORNÔ SENSUALIZAR COM KYLIE FAZ AUMENTAR OS PEACOCK DAS GUEI

Coloquei esse vídeo, em caráter ilustrativo, para mostrar a vocês que o peacock é o que vale. Agora licença que vou dançar Get Outta My Way aqui no meu quarto, beijos.

AGRADECIMENTOS

¹ – ao @DiegoGoes e ao @phfonseca_ que me fizeram ter conhecimento dessa MARAVILHA que é esse video do funk proibidão. Obrigado, dudes.

– este post é em homenagem ao @canseidisso, que é um lindo. ❤

– este post é dedicado ao Reynaldo Giannechinni e outros galãs legais de novela. ~risos
 

>Pq autoestima é tudo, certo?

>Que o diga a nossa musa Absoluta, Stefhany. Com direito a closes em cima do buzão, banhos de chocolate e compras na Ropahara. (ALASKA)

SUA INVEJA FAZ A MINHA FAMA OK