RSS

>capítulo 9: quando uma nação simplesmente caga pra você. (exercício supremo da indiferença)

30 jul

>Eu sou a pessoa mais fácil do mundo pra lidar. Mas muito fácil mesmo. Quando a pessoa pede um favor, quando estiver ao meu alcance, eu faço. Quando precisa de um ombro amigo, estou a postos. Sou polido, peço por favor, obrigado, licença.

Pode-se dizer que ótimas pessoas não têm problemas. Bom, se o fator carência for levado muito em consideração, além do fato de que você querer ser mimado, ouvido, paparicado  e etc., isso pode virar um sério problema. E eu sei do que tô falando.

Sabe aquela coisa de que você tá falando, a pessoa tá do lado, mas dá aquela impressão de que num tá ouvindo porra nenhuma ou, com o intuito de ter pena de você (e, francamente, sou um sujeito digno de pena, pq ser preto/nordestino/gay/fã de pokémon/nerd/gordo é too much information que uma universidade qualquer deveria reservar uma vaga de qualquer coisa pra mim, tão somente), você diz um: acontece, ou… shit happens, coleguinha.

Uma coisa: MEH.

Eu sofro com isso.

Eu SEMPRE gostei de atenção. De todo mundo prestar atenção em mim. Não à toa que eu era um dos melhores alunos das salas dos quais eu estudei, caramba!

A verdade é que sempre quis ser admirado, amado, invejado e odiado por todo mundo, mas parece eu que eu nunca consegui alcançar esse objetivo. pq tudo o que tive foi o carinho dos pais, alguns amigos, e… só? ENFIM.

A grande questão é que ODEIO ser ignorado. ODEIO não ser levado em conta pra qualquer coisa. E ODEIO, MAS ODEIO MESMO, nêgo que para de falar comigo sem justa causa. Ou causa plausível.

Exemplo? Dou agora no Twitter.

[xxx]

Tava eu, todo faceiro, quando de repente me dou conta de um rapaz (que não vou falar o nome pq né?), que gosto muito de ler e etc. Quando fui na página dele, senti que ele me removeu da lista de following. (o pior: ele havia dado apoio a mim, num momento meio difícil que eu tava, e falava de vez em quando com ele. e me surpreendi muito com a atitude dele, de verdade. ou seja, unfollow em mim nem é o problema.) Daí que, somado ao fato das pessoas me ignorarem de questionamentos que eu faço no meu twitter (relevo quando falo uma frase nada a ver, por exemplo), fiquei muito, mas MUITO chateado.

[xxx]

E daí comecei a refletir essa necessidade de atenção que eu tenho. Eu quero que as pessoas prestem atenção em mim e me escutem. Eu quero que as pessoas me levem a sério nas coisas que eu quero que me levem a sério. Sou um cara com eterno brinks na alma, mas gente… Tem uma hora que vou dizer: por favor, a sua atenção? quero falar! e… alguém me atender.

Quando alguém me pede pra entrar no MSN, eu entro numa boa. MSN é uma coisa que tenho PAVOR. (não vem ao caso explicitar aqui) E tenho certeza que a pessoa quer conversar comigo numa boa, e tento dar o máximo de atenção a ela. com as minhas condições.

O que não gosto que façam comigo, não gosto de fazer com as pessoas.

(é totalmente diferente de, por exemplo, sumir por uns tempos e voltar. tô falando de algo mais grave, que é o fato da pessoa simplesmente CAGAR pra você, e principalmente: cagar pra você sem um motivo plausível que você saiba.)

Às vezes tenho a impressão que ninguém presta atenção em mim, ou que ninguém me ouve, ou que ninguém vem pra conversar comigo sobre algum eventual problema que tenha comigo. É sempre da pior forma possível. PÉSSIMO, sinceramente.

E esta é a minha chateação de hoje. Boa Sexta.

(Aracaju, 29 de Julho de 2010. Envenenado pelo fato de imaginar uma possibilidade de alguém ser mais bonito, gostoso e feliz do que ele. Enlouquecendo pq provavelmente os biscoitos Trakinas podem parar de ser produzidos. E cansado pela rotina de corno que teve esta semana. mas não dormiu ainda pq precisava escrever.)

Anúncios
 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: