RSS

>analyzer: DALILA.

06 fev

>E daí que Ivete Sangalo, num surto de Davidbowienismo (ou mermo um surto de esquizofrenia da Bionça, mermo) decidiu criar uma personagem pro Carnaval, que nem Durval Lélis (pra quem conhece a Bahia e o Asa de Águia – O ASA ARRÊA, ARRÊA, ARRÊA ARRÊA ARRÊA [8] – sabe do que falo): a DALILA.

DALILA, gente, a dançarina zenzual que conquistou o Sansão. OK, nem é. Ok, tvz seja.
O que importa é que analisarei essa LETRA de poesia ímpar. A letra é extremamente difícil, queimou até meu pc ao tentar destrinchar a letra. RERE Tive de apelar a física quântica pra conseguir êxito na análise e… Ufa, consegui.
Repare na letra, tão rica quanto a personagem. ❤ 
vale ressaltar que é LETRA DE MICARETA / CARNAVAL / ETC., logo, não se tem AQUELA necessidade rítmica-interpretativa-cultural (Q) pra entender a letra. beijos.

cadê dalila?

ivete sangalo

Composição: Carlinhos Brown

Carlinhos Brown tem AQUELA coisa viajante de Deus-bença. Dae vc já tira um desconto. Vamos à letra.

Vai buscar Dalila… vai buscar Dalila ligeiro
Vai buscar Dalila… vai buscar Dalila ligeiro
ligeiro, ligeiro, ligeiro….

Daí que ocorre AQUELE conflito. Oi, toca uma música meio faraônica, mas a moça em questão (Dalila) num é do Reino Hebraico? (carece de informações. =p) Enfim, Dalila era uma dançarina sensual, cheirava a sexo… ou seja, puta. Dae tá chamando a puta moça.

Hem hem hem hem oooooo
Hem hem hem hem oooooo

E vem as onomatopéias, uma coisa meio CORRÃO AMIGUE VOSSE STÁ EM PERIGON RS Ok, mentira de novo. É apenas uma onomatopéia normal, da pessoa indo atrás da Dalila. Corre, gente, a Dalila tá aí!


Eu vi (vai levando)
Esse povo é VIP (vai levando)
Ninguém é triste (vai levando)
O futuro existe (vai levando)
Eu vi (vai levando)
O trio não para, Dodô (vai levando)
Batuqueiro não para, povo (vai levando)
O amor não para

E daí que vem um trechinho dramático. Vai levando? LEVANDO NAONDE? Levando vara? Levando tapa? Levando mermo por causa do povão te empurrando e te bolinando (adoro perigo rs) E é uma micareta, mermo. A rica mandando nos súditos. Digno. ^^

Hem hem hem hem oooooo
Hem hem hem hem oooooo

Mais onomatopéia, OE


Eu vi (vai levando)
Ta tudo preparado (vai levando)
Pra chegar la em cima (vai levando)
Quem quiser vem comigo (vai levando)
Eu vi (vai levando)
Motorista não para (vai levando)
Operário não para (vai levando)
A cidade não para

E ainda vem esse trecho dramático. Vai levando DE NOVO? Enfim. E ainda tem a cidade que não para, gente? E ainda continua esse ritmo frenético de Speed Racer dos trios elétricos, e NADA sobre a Dalila-dançarina-de-Sansão.


Hem hem hem hem oooooo
Hem hem hem hem oooooo

Quanto tempo, onomatopéia, rs


La vai la vai la vai
La vai o trio e o povo
Levanta coração, sujeito carinhoso (2x)

Nesse refrão vc conclui que: a) a letra não faz sentido, foi feita pro Carnaval mermo; b) é pro trio elétrico, pra vc se jogar, pegar as nêga e se divertir; c) NADA tem a ver com a Dalila-dançarina-que-seduziu-Sansão, mas sim com Dalila-Sasha-Fierce-Baiana-com-toques-de-David-Bowie-rs. É isso, gente.


Vai buscar Dalila… vai buscar Dalila ligeiro
Vai buscar Dalila… vai buscar Dalila ligeiro

OK, E CADÊ A DALILA? Chamam e nada!



ói eu meu rei, rs

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 6 de fevereiro de 2009 em analyzer, musicbox

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: